Perguntas Frequentes (que acho que você deve se fazer sobre a campanha do Refúgio)

P.: Esse projeto é para doar dinheiro para a autora?

R.: Não. O financiamento coletivo é uma espécie de pré-venda de materiais. O Catarse age como um intermediário entre o autor que quer publicar (e não tem grana para imprimir) e os leitores que gostam do trabalho dele e querem apoiá-lo. Cada contribuição equivale à uma recompensa, então, quando você me apoia com R$10,00 ou R$20,00 na verdade está comprando o livro digital ou o impresso.

P.: Dá pra confiar neste site?

R.: Sim. O Catarse, embora desconhecido do público em geral, tem sido uma ótima ferramenta para os quadrinistas independentes terem a chance de publicar seu trabalho por conta própria. Já apoiei vários projetos nele.

P.: E em você?

R.: Também. Meu maior interesse é que saia tudo certinho e o projeto seja financiado.

P.: Se a campanha não der certo, para onde vai o dinheiro?

R.: Caso a campanha não alcance o valor mínimo (bate na madeira três vezes) o dinheiro é devolvido à quem apoiou a campanha. Eu não recebo nada, o site não fica com nada.

P.: Então os R$6.700,00 são só para a impressão do livro?

R.: Não. A impressão dos 500 exemplares abarca 51% do valor, os demais gastos envolvem o custo de envio das recompensas, impressão de algumas delas e a porcentagem que o site recolhe:

Impressão: R$ 3.404,00 ……………………………………………….. 51%

Envio (Correios e embalagens): R$ 2.000, 00 ………….. 30%

Catarse: R$ 871,00………………………………………………………… 13%

Recompensas: R$ 425,00 ……………………………………………. 6%P.: Ué, e o que você ganha com isso?

R.: A satisfação de ver meu trabalho impresso. E também o restante dos exemplares não vendidos nas recompensas. Se 300 pessoas apoiarem, por exemplo, ainda terei 200 exemplares para comercializar. Isso é ótimo porque é uma quantidade mais tranquila de ser distribuída, pois esse é um dos principais problemas depois que se publica um livro.

P.: A história é inédita? Já vi trabalhos seus na internet.

R.: Sim. Este livro encerra o projeto da minha webcomic O Diário de Virgínia, que está online há cinco anos. Ele foi pensado especialmente para o meio impresso, pois muito do que publiquei não tem como ser adaptado para o formato limitado de um livro. Como esta história aqui: http://odiariodevirginia.com/port/cap23.html.

* qualquer outra dúvida sobre a campanha entre em contato.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s