Ansiedade

10487398_10203619793628456_997801770807820603_n

Não me entendem quando eu falo da Ansiedade. Ah, é só não pensar tanto. Ah, isso passa. Ah, isso é frescura.

Mas ela é um visitante incômodo. É inconveniente no seu alvoroço. Me acorda de madrugada para me lembrar dos medos do escuro. E não me deixa mais dormir.

E passa o dia sobre os meus ombros, tagarelando sobre tudo a ser feito, sobre o futuro e o passado. E quando tento descansar, exausta de tanto diálogo, lá vem ela com suas garras afiadas espantar meu sono.

É uma inocente, apesar de tudo. Assim como eu ainda tem a crença firme no medo como modo de vida e na insegurança como alicerce. E nós duas precisamos aprender a confiar mais no caminho, na providência da vida e na força de nossas próprias pernas.

Advertisements

2 thoughts on “Ansiedade

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s